RSS

Sobre Bigodes e força de vontade

22 nov

Novembro está quase no fim, e algumas pessoas que me conhecem podem estar horrorizadas com minha bizarra aparência bigoduda.

Uns três anos atrás eu conheci o movimento do Movember. Eles promovem a conscientização do homem sobre sua saúde usando essa campanha dos bigodudos. Mustache, bigode em inglês, ou simplesmente “Mo” (como dizem os australianos) + November = Movember. Durante o mês os participantes divulgam sua imagem bigoduda para arrecadar fundos que serão utilizados por instituições pró saúde.

Homem em geral precisa ser constantemente lembrado de que não é imortal. Uma doença sempre pode nos levar dessa terra, e a melhor forma de evitar isso é cuidando da saúde e se prevenindo. Visite seu médico com frequência, faça um checkup pelo menos uma vez por ano, cuide da alimentação e pratique alguma atividade física sempre.

Um dos focos é o câncer de próstata. O mais importante de tudo é não ter vergonha de fazer o exame de toque. É algo incômodo, é algo invasivo, mas é algo que está te ajudando a identificar e se proteger de uma doença terrível.

Homem é um bicho muito macho, másculo, <<insira aqui seu adjetivo favorito>>, porém é também muito preconceituoso, teimoso e acha que sua honra será diminuída apenas por fazer sua obrigação de cuidar de si mesmo. Cuidar da aparência, cuidar da saúde, tudo isso é coisa de “afeminado”, por isso eles não o fazem.

Quanto mais pessoas espalharem a ideia de prevenção e diagnóstico, mais pessoas serão salvas todos os anos.

O que realmente me empurrou de vez a seguir essa campanha nesse ano e usar meu ridículo bigodão que me faz rir toda vez que me olho no espelho foi o fato de que em Junho eu perdi meu padrinho para essa doença silenciosa que só se anuncia quando é tarde demais.

Havia alguns anos que eu não falava com ele, e fiquei sabendo muito tarde sobre seu falecimento, mas sempre levei suas lições de vida comigo.

Quando eu era mais novo, costumava passar as tardes na loja dele, e ele costumava dizer para mim algo como:

Aprenda a se conhecer, e nunca esqueça o valor que você tem, pois você precisa saber do que é capaz.

Podem tirar tudo de você nessa vida,as enquanto não tirarem sua vida, você pode se levantar e continuar em frente, por mais que coisas aconteçam contigo.

Um exemplo é que minha mulher pode pedir o divórcio, ficar com o filho, os carros, a loja e a casa. Posso parar embaixo da ponte sem onde ficar, mas ninguém jamais será capaz de tirar de mim o que eu sou, um batalhador.

Posso ser privado de tudo, mas logo conseguirei um novo trabalho, uma nova casa e logo estarei bem de novo, pois sei do que sou capaz e vou atrás do que quero.

Ele era o tipo de pessoa que fazia o que fosse necessário ser feito. Sempre muito esforçado, sempre com um exemplo de perseverança.

Não posso dizer que o conheci muito bem, mas sempre poderei falar sobre essa lição que ele me ensinou.

Então sejamos perseverantes, façamos a mudança em nós mesmos, cuidemo-nos e sejamos felizes e saudáveis.

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em novembro 22, 2013 em Uncategorized

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: